terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Paradeiro.

Eu sumi.
Não sei aonde fui parar.

Então eu vou sair
Por aí
A me procurar.

Talvez eu hoje seja
Exatamente o que eu quero ser
- e esteja em algum beco
Ou alguma esquina a me esconder (de mim).

Talvez eu seja por completo
O meu lado mais obscuro,
E talvez eu mereça estar ao lado de Deus...
Ou algo assim.

Mas não tenho como saber:
Eu sumi!
Não me posso imaginar
Se já quase me esqueci.

Por isso vou sair
Por aí a me procurar.
Mas só no dia em que a coragem
Resolver me reencontrar.

6 comentários:

Babizinha disse...

Então que a coragem te reencontrei como num esbarrão no beco, na esquina ou em qualquer lugar. Esqueça de se esquecer! (;

Beijos
;*

isabela branco disse...

"Por isso vou sair
Por aí a me procurar."
adorei isso (:

Lily disse...

Muito bom, gostei! *-*

Beijos.

- gabs, disse...

Sumir de ti mesmo? Como eu anseio por isto.

SZÉCHY disse...

"Não me posso imaginar
Se já quase me esqueci."

foda! adoro essa ideia de contradiçao, como se perder dentro de voce mesmo e ao mesmo tempo se encontrar na procura. Quem entende? Eu nao entendo! Mas que seja, essa é a beleza da coisa.
Beijo da foca

beatriz albarez disse...

boa sorte, tomara que você se encontre. se precisa de carona, eu te ajudo (:
te amo ♥